Configurando o plugin W3 Total Cache


O plugin W3 Total cache é essencial para qualquer blog que deseja otimizar o tempo de carregamento das páginas do site.

Após a instalação do W3 Total cache você vai perceber uma melhora no desempenho das páginas do seu site, esse plugin utiliza a combinação de arquivos JavaScript e CSS para compactar e reduzir as consultas no banco de dados.como configurar o w3 total cache passo a passo

A configuração é bem mais complicada do que a instalação, são várias abas, mas com um pouco de atenção você não terá dificuldade

Quais são vantagens de usar o W3 Total cache

  1. Site mais rápido: Como as páginas ficam em cache, o WordPress não precisar perder tempo para gerar novas páginas, isso é muito bom para o usuário e para os motores de busca.

2. Tráfego: imagine que um site sem cache consegue ter um número determinado de usuários online, quando o cache é ativado, o mesmo site conseguirá suportar um número muito maior de usuários sem perder o desempenho.

3. Menos load no servidor: Maior velocidade do site sem a necessidade de pagar mais por uma hospedagem.

Como saber se meu site estar lento?

Antes de configurar o plugin W3 Total cache é recomendado saber como estar o desempenho do seu site, para isso eu recomendo utilizar o GTMetrix, essa ferramenta faz uma análise completa do seu site, por exemplo, css, java script, imagens, etc.

Ao final da análise é exibido um relatório com uma pontuação de cada item, assim você vai saber o que precisar ser melhorado.

Configurando o plugin W3 Total cache

  1. Dashboard (Painel de controle)

Nessa guia é possível visualizar os recursos disponíveis para quem adquiriu a verão premium, não é necessário fazer nenhuma modificação, versão grátis atende os principais recursos que precisamos.

  1. General Settings (Configurações Gerais)

Na opção “General” deixe o campo toggle all caching types on or off desmarcado.Configurações Gerais - cache do total de w3

3. Page Cache

Na próxima aba deixe ativada a page cache, isso permite a exibição da página armazenada em cache e aliviar a carga do servidor, em “Page cache method” deixe o padrão “Disk: Enhanced”.cache de página - w3 total cache

4. Minify

Essa opção vai depender muito da sua hospedagem, template e outros fatores, eu recomendo deixar ativado, mas caso o layout do seu blog apresente algum tipo de problema é só desativar essa opção.Minify - w3 total cache

5. Opcode Cache

Em “opcode cache”, marque a opção “Not Available”, no validate timestamps deixe desmarcado.opcode cache - cache do total de w3

6. Database Cache

Essa opção é bem parecida com o page cache, o database cache compactar o banco de dados, deixe ativado.Database Cache - Cache total de w3

7. Object Cache

Essa opção deve ser marcada para quem tem o blog muito dinâmico, para quem estar começando agora, essa opção não vai fazer muita diferença, mas pode ser testada utilizando a ferramenta que indiquei no início do artigo.cache de objetos - w3 total cache

8.  Browser Cache

Essa opção deixa o cache no navegador e diminui o tempo de carregamento da página, deixe ativado.cache do navegador - w3 total cache

9. CDN

O CDN compacta ás biblioteca de mídia, js e css, melhorar o carregamento das páginas, deixei desativada, já que não obtive o resultado desejado no meu blog, aconselho a testar seu site no GTMetrix e ver qual se adequa melhor no seu blog.   CDN - Cache total de w3

10. Proxy reverso

Essa função é bem útil para quem tem um serviço de Varnish no servidor, esse serviço é independente do plugin, deixe habilitado.proxy reverso - w3 total cache

11. Nos menus Monitoring, Fragment Cache e Licensing não é preciso fazer nenhuma alteração.

12. Miscellaneous

  • Enable Google Page Speed dashboard widget: desmarque
  • Page Speed API key: pode deixar em branco
  • Show Classificação de página na barra de admin: ative
  • Verifique regras de reescrita: ative
  • Enable file locking: desmarcado
  • Otimizar disco página melhorada e cache de disco minify para NFS: desmarque
  • Anonimamente rastrear o uso para melhorar a qualidade do produto: Ative
  • Ativar as estatísticas de cache (no painel) (disponível após updgrade):w3 total cache

13. Debug

Ao habilitar essas opções abaixo, você estará disponibilizado informações detalhadas sobre cada cache no HTML (código-fonte da página), o que não é o ideal, eu prefiro deixar desmarcado.como instalar o plugin w3 total cache

14. Import / Export Settings

No último menu disponível é possível importar ou exportar as configurações para outro site, opção bem útil para quem tem mais de um site.

Reset configuration: Restaura as configurações padrão.

Pronto! O Plugin W3 Total Cache foi configurado!

Como ganhar dinheiro sem sair de casa – Confira aqui!!!

 Conclusão

Após finalizar as alterações que mostramos no artigo, recomendo acessar novamente o site do GMetrix e refazer o teste de desempenho para ver a evolução que o seu blog teve, você vai ver que os resultados serão incríveis.

Se mesmo assim restar dúvida sobre alguma opção, você pode acessar o site do W3 Total Cache clicando aqui ou deixar um comentário abaixo.

(Visited 1 times, 1 visits today)

1 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *